Como escolher a escova de dente ideal – dicas para ajudar na escolha da escova certa para a sua higiene bucal

Todo mundo quer ter um sorriso bonito e saudável, mas poucas pessoas sabem que a escolha da escova de dentes é crucial nesse processo, não apenas no que diz respeito a beleza dos seus dentes, mas também no que corresponde a sua saúde bucal e qualidade de vida. Ao contrario o que muitas pessoas pensam, uma escova mais eficaz não precisa ser, necessariamente a mais cara, cheia de marcações e com várias tecnologias que prometem melhorar a escovação.

Escovar os dentes é um costume antigo e civilizações antigas utilizavam galhos após as refeições para limpar os dentes. As escovas que conhecemos atualmente foram criadas em 1930 e passaram a ser realmente conhecidas após a Segunda Guerra Mundial, tornando-se populares. Na China, no final do século 15, os primeiros modelos de escovas eram feitos com pelos de porcos presos a um bambu e essas escovas com o tempo traziam infecções por causa do acumulo de fungos.

Existem diversas opções de escovas no mercado e encontrar o produto adequado pode ser uma tarefa difícil. Você já notou que está na hora de adquirir uma nova escova, pois a sua já está bem gasta, mas ao chegar no supermercado você se depara com tantas opções que, no fim das contas, nem se importa muito com essa decisão. Os itens de higiene, em especial de saúde bucal, devem ser escolhidos com muita atenção, pois existem ferramentas exclusivas para cada tipo de necessidade e fases da vida.

Você sabe os benefícios de realizar uma boa higiene bucal?

O hálito puro e sorriso saudável são resultados de uma boa higiene oral. Isso significa que seus dentes ficam limpos e livres de resíduos alimentares evitando, assim, o acumulo de placas e a cárie dentária. Além disso, ajuda a manter a saúde da gengiva, juntamente com o uso do fio dental, evitando a gengivite, por exemplo. Outro problema da má higiene bucal é o mau hálito. É importante lembrar que realizar a escovação da língua é importante, pois dessa maneira se combate o saburra (camada branca) que fica sobre a língua, o mau hálito, previne a diminuição do fluxo salivar, evita o surgimento de cárie e deixa a língua rosada, que é sinônimo de uma boa higiene oral.

Seguem algumas dicas sobre como escolher suas escovas de dentes:

  • Preste atenção nas cerdas: é essencial que você escolha as escovas com cerdas macias, pois elas auxiliam na retirada do acumulo de placa bacteriana sem ferir a gengiva. As escovas com cerdas rígidas são indicadas para pessoas que usam prótese dentária.
  • Formato da escova: o formato é outro fator que influencia na escovação. Consulte seu dentista para saber qual é o melhor tipo de formato de escova que você deve comprar. Isso varia de acordo com a abertura bucal de cada pessoa. Muito consultório odontológico vende ou doa escovas para os pacientes que ali consultam. Veja qual a melhor para você.
  • Cabo da escova: quando for comprar uma escova nova, fique atento ao tamanho e o modelo do cabo, pois ele precisa ser confortável e de fácil manuseio para garantir uma boa e eficaz escovação.
  • Consulte seu dentista: não existe ninguém melhor e que conheça tão bem os seus dentes como o seu dentista. Caso ainda tenha dúvidas sobre qual escova comprar, procure pelo profissional e peça orientações quanto a isso. Além disso ele vai te passar dicas sobre como realizar uma boa escovação.
  • Existem escovas próprias para quem usa aparelho ortodôntico. Elas complementam a higiene bucal limpando por dentro dos brackets (escova interdental).
  • Escovas elétricas: o uso desse tipo de escova pode causar a perda da habilidade de escovação e são indicadas para pessoas com dificuldade motora.

Lembrem-se que a sua escova de dente deve ser trocada a cada 3 meses ou quando as cerdas apresentarem desgaste. A troca é fundamental, pois na medida em que a escova é utilizada, as cerdas sofrem processo de fadiga e deixam de ser eficientes. Além disso, é importante trocar de escova após uma gripe ou uma doença contagiosa, a fim de diminuir o risco de uma nova infecção através dos germes que aderem as cerdas.

Referências: http://expodonto.com.br/higiene-bucal/como-escolher-a-escova-de-dentes-ideal/; http://www.ortosorriso.com.br/index.php/Dicas/como-escolher-a-sua-escova-de-dente-ideal.html; https://www.sorrisologia.com.br/noticia/4-dicas-que-ajudam-a-escolher-a-escova-de-dente-certa-para-sua-higiene-bucal_a2921/1; http://www.mundopositivo.com.br/noticias/saudeebemestar/20439314-como_escolher_a_escova_de_dente_ideal.html; https://www.sorrisologia.com.br/noticia/os-5-beneficios-de-se-escovar-a-lingua-voce-tem-esse-habito_a1938/1;

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

WhatsApp chat