O que é periodontia e quais os tratamentos que podem ser realizados por essa especialidade?

A periodontia é a especialidade odontológica responsável pela prevenção e tratamento das doenças que acometem os tecidos de sustentação e proteção dos dentes. Em outras palavras tratamentos relacionados a gengiva e o osso.

A saúde bucal não envolve apenas cuidados com os dentes. Ela envolve a manutenção das características e do funcionamento correto de outras estruturas, em especial a gengiva. A principal função da gengiva é fixar nossos dentes aos ossos maxilar e mandibular, oferecendo o suporte que a arcada precisa para que possamos morder, mastigar e falar. Dessa forma, os cuidados com a boca em geral são tão importantes quanto aqueles dedicados aos dentes em si, pois um problema gengival pode acarretar a perda de estruturas dentárias.

 

Você sabe quais problemas pode ter se não tiver uma boa saúde bucal?

  1. Doença periodontal

Vamos começar pela doença periodontal. Ela consiste no conjunto de problemas que afetam desde a gengiva até os ossos que os sustentam, influindo a gengiva inflamada e a infecção dessas áreas. Em geral, esses problemas são causados por uma falha na higienização bucal e o risco é maior para pessoas fumantes e diabéticos. Os casos mais básicos podem evoluir caso não haja uma intervenção de um profissional. Dessa mesma forma, com a higienização adequada alguns casos podem até regredir. Contudo, é uma condição que não deve ser deixada de lado, pois pode levar a perda dos dentes e, até mesmo, trazer riscos de problemas de endocardite.

  1. Gengivite

A gengivite é outra condição que pode acometer pessoas que não higienizam corretamente a boca. Se você já notou sua gengiva inchada e vermelha durante a escovação, provavelmente você teve uma gengivite, ou seja, uma inflamação da gengiva. Em casos mais sérios você pode se deparar com sua gengiva sangrando durante a escovação ou passando o fio dental. A gengivite é o estágio inicial da doença periodontal e surge em função do acumulo de placa bacteriana e seu tratamento consiste em uma limpeza com o objetivo de remover a placa e o tártaro e, às vezes, é necessário a administração de antibióticos.

  1. Periodontite

Quando a gengivite não é tratada ela pode evoluir para a periodontite. Nessa fase a inflamação ou a infecção da gengiva também atingem as fibras e ossos, o que pode provocar a perda dos dentes. Isso se dá por causa da formação de bolsas na gengiva que favorecem a destruição dos tecidos e o abscesso dentário e, se não for tratada, os dentes começam a ficar moles e podem cair.

 

Tratamentos na área da periodontia

Existem tratamentos, além dos convencionais e para a manutenção da saúde da gengiva, que visam a recuperação da estética dessa região. Essas técnicas permitem que o paciente recupere sua autoestima e confiança.

O tratamento para excesso de gengiva aparente (sorriso gengival) é um tratamento que consiste em remover/corrigir a parte mais aparente da gengiva até a remodelação óssea ou o ajuste do funcionamento dos músculos responsáveis por levantar o lábio superior.

Outro tratamento é o especifico para a pigmentação da gengiva. Ele consiste na remoção de pigmentação excessiva por meio do clareamento da gengiva ou peeling gengival. Essa pigmentação se dá de forma parecida com a pigmentação da pele. A gengiva pode apresentar manchas escuras devido a um acumulo de melanina. Esse quadro não está associado a problemas de saúde, mas quebram a harmonia do sorriso e podem incomodar o paciente.

Agora que você já sabe o que é periodontia e quais são os principais tratamentos dedicados a cuidar da saúde e da estética da sua gengiva, você certamente está mais bem preparado para identificar possíveis problemas nessa região.

Referências: OdontoCompany, Castellodonto, Bidu

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

WhatsApp chat